Controle de obras

O orçamento de investimentos para obras no sistema elétrico da Celesc é de cerca de R$250mi/ano. As obras são realizadas para garantir energia em quantidade e qualidade suficientes para atender o mercado consumidor existente e sua expansão.

Por conta dessa proposta, um conjunto grande de obras é realizado em toda a área de concessão da Empresa, reunindo investimentos em novas subestações, linhas, alimentadores e redes urbanas e rurais.
No quadro abaixo, estamos elencando as principais obras em andamento (Subestações e Linhas de Distribuição). A partir desses empreendimentos, são construídos os alimentadores e redes que levam energia a cada uma das milhares de unidades consumidoras atendidas pela Empresa.

Obra Descrição Situação atual
(nov/18)
 SUBESTAÇÃO CANOINHAS RIO DA AREIA  Nova SE, em 34.500Volts, que está sendo construída em Canoinhas, no bairro Rio da Areia, no Planalto Norte Catarinense, com capacidade instalada inicial de 12,50 megawatts. Sua principal função será permitir a realização de obras na rede de distribuição que atende as regiões de Irineópolis, Canoinhas e Bela Vista do Toldo, possibilitando melhorar de forma significativa os índices de continuidade de atendimento da região. Obra custeada com financiamento do BID.  SE = 75%
SUBESTAÇÃO ARAQUARI CORVETA Nova subestação (SE) em construção no Norte do estado, localizada no município de Araquari, bairro Corveta, com capacidade instalada inicial de 30 megawatts e alimentação em 138.000 volts. Vai garantir a expansão do mercado da região, especialmente do distrito industrial. Para conectar a nova SE ao sistema elétrico existente, será construída uma linha de distribuição (LD) 138.000 volts com 2,5 km de extensão a partir de subestação Araquari Hyosung. SE : 5%
LD: 0%
SUBESTAÇÃO FLORIANÓPOLIS CAPOEIRAS Nova SE que está sendo construída no município de Brusque, no bairro São Pedro, com capacidade instalada inicial de 40 megawatts. Sua principal função será equacionar o esgotamento previsto das subestações Brusque e Brusque Rio Branco. O novo ponto de suprimento de energia vai aumentar a confiabilidade de atendimento e garantir o suprimento com qualidade e o crescimento de demanda previsto. Para conectar a SE ao sistema existente, será construída LD 138.000 Volts, em circuito duplo com cerca de 150 metros de extensão para conexão em linha existente da distribuidora. Obra custeada com recursos do financiamento do BID. SE = 16%;
LD = 0%
SUBESTAÇÃO BRUSQUE SÃO PEDRO Nova SE que está sendo construída no município de Brusque, no bairro São Pedro, com capacidade instalada inicial de 40 megawatts. Sua principal função será equacionar o esgotamento previsto das subestações Brusque e Brusque Rio Branco. O novo ponto de suprimento de energia vai aumentar a confiabilidade de atendimento e garantir o suprimento com qualidade e o crescimento de demanda previsto. Para conectar a SE ao sistema existente, será construída LD 138.000 Volts, em circuito duplo com cerca de 150 metros de extensão para conexão em linha existente da distribuidora. Obra custeada com recursos do financiamento do BID. SE = 20%;
LD = 0%
LINHA DE DISTRIBUIÇÃO 138.000 VOLTS: FOZ DO CHAPECÓ – CHAPECÓ II Consiste em uma nova linha de distribuição em 138.000 volts que vai permitir a conexão da SE Chapecó II da Celesc no ponto de suprimento de rede básica 230/138kV Foz do Chapecó. Sua principal função será aliviar o carregamento atual da linha 138.000 volts entre Xanxerê e Chapecó II e dos transformadores de fronteira com a rede básica em Xanxerê, permitindo desta forma garantir a continuidade de atendimento da região e o crescimento de demanda previstocom segurança e confiabilidade. LD = 98%

logo celescCentrais Elétricas de Santa Catarina S.A.
Administração Central
Departamento de Tecnologia da Informação

Av. Itamarati, 160
Bairro Itacorubi - Florianópolis - SC
CEP 88034-900

  transparencia@celesc.com.br
  twitter
  facebook